Administração de Brazlândia contrata quase R$ 500 mil em shows para festa de aniversário

Um dos cachês mais caros foi de um cantor sertanejo, que recebeu R $100 mil.

A Administração Regional de Brazlândia, no Distrito Federal, contratou uma série de shows para o aniversário de 89 anos da cidade, comemorado no início deste mês. Para as celebrações, o Diário Oficial trouxe, no fim de maio, uma lista de artistas, com cachês que somam quase R$ 500 mil, sem licitação.

Um dos cachês mais caros foi o de um cantor sertanejo, que mora no DF e recebeu R$ 100 mil pelo show, em 3 de junho. No fim do mês passado, o mesmo cantor fez um show em Santa Rosa do Tocantins, a 680 km de Brasília, por R$ 85 mil. Em abril, o show do mesmo, saiu por R$ 50 mil na cidade de Porto Alegre do Norte, em Mato Grosso.

Questionada sobre os gastos, a administração afirmou, que a lei não exige licitação para contratação de artistas e que usou dinheiro disponível em caixa da própria administração.

Sobre a diferença entre o pagamento para o show em Brazlândia, em relação aos outros locais, a empresa afirmou que “não existe tabela de preços. A análise de cada pedido varia com o marketing.

A regional disse ainda que, pela lei, não se exige licitação para contratação de profissional de qualquer setor artístico, desde que consagrado pela crítica especializada ou pela opinião pública. Afirmou ainda que investiu R$ 30 milhões em obras de melhoria na cidade.

Por: Luisa Câmara

Foto: Reprodução