Como ter uma pele de pêssego após realizar exercício físico

Dermatologistas destacam os cuidados necessários para conquistar uma pele bonita e hidratada, livre de impurezas e oleosidade

Um dos pilares para manter uma rotina saudável, bem se sabe, é a prática de exercícios físicos. Diversas pesquisas já comprovaram que atividades trazem bem-estar e relaxamento para o corpo, além de prolongar a longevidade. Mas, como manter a pele bem cuidada depois da academia?

Para ajudar nessa missão, o Metrópoles escalou especialistas para ensinar as cautelas necessárias quando a missão é conquistar uma pele bonita e hidratada após um treino intenso.

Segundo a dermatologista Claudia Marçal, é necessário ficar atenta à cútis para prevenir o aparecimento de problemas cutâneos e até doenças.

“A rotina de cuidado com a pele ajuda a remover suor, impurezas e controlar a oleosidade”, orienta a médica.

1. Roupa suada
De acordo com a dermatologista, é fundamental remover a roupa suada o mais breve possível, para permitir que a pele respire adequadamente.

Essa medida previne o entupimento dos poros e o aparecimento de foliculite.

2. Banho demorado
É importante evitar tomar banhos muito quentes e demorados, pois o hábito pode retirar a camada de proteção da pele, tornando-a ressecada.

3. Água fria
“Caso você sofra com irritação e vermelhidão da pele causada pelos exercícios físicos, outra boa dica é lavar o rosto com água fria de duas a três vezes para acalmar a cútis. Assim, ela rapidamente volta à coloração natural”, diz a médica.

5. Contato com a água
Logo depois que sair da natação, é válido tomar um banho imediatamente e passar, de preferência, um sabonete dermatológico para pele sensível ou mesmo um sabonete infantil ou de glicerina.

6. Rotina de cuidados
Segundo a dermatologista Gabriela Capareli, o uso de fotoprotetores com FPS mínimo de 50 é essencial, principalmente para atividades ao ar livre. Preste atenção se usa ácidos anti-envelhecimento. Nesses casos, a exposição solar durante a prática esportiva deve ser minimizada.

A especialista ainda ressalta: não deixe de beber muita água e fazer rodízio do calçado.

Fernanda Suassuna / Metrópoles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *