Dengue: Casos no DF atingem maior número desde 1998

O total de notificações prováveis contabilizadas é o mais alto dos últimos 24 anos, a partir do início da série histórica do Ministério da Saúde.

O Ministério da Saúde monitora os dados da dengue no Brasil desde 1998. Os registros alcançaram uma marca chocante no Distrito Federal mesmo antes do fim do primeiro semestre deste ano.

São mais de 50 mil casos prováveis da doença no DF, maior índice desde o início dos levantamentos sobre a doença na região.

A verificação mais recente divulgada pela pasta em maio supera o recorde anterior, de 2020, quando houve 42.057 possíveis infecções notificadas.

Os números de 2 de janeiro até o último dia 18 colocam Brasília (54.865) em primeiro lugar no ranking de registros por município. São (54.865) casos. Em seguida estão a capital goiana (42.025) e a cidade catarinense Joinville (SC, 24.580).

Considerada essa taxa, o Distrito Federal ocupa o oitavo lugar no país. No recorte das capitais brasileiras, apenas, o DF fica na terceira colocação, atrás de Palmas e Goiânia, respectivamente.

Por: Ernandes Almeida

Fonte: Correio Braziliense

Foto: Reprodução